Herdade Aldeia de Cima

Marcando o encontro do passado e do futuro da viticultura alentejana, os proprietários familiares Luisa Amorim e Francisco Rêgo adoptaram uma abordagem enológica mínima que enfatiza a enorme diversidade das suas 36 micro-parcelas.

Património Moderno

Guiados por um profundo respeito pela natureza, a dupla de enólogos Jorge Alves e António Cavalheiro homenageia as regiões ricas e ancestrais do património da Herdade Aldeia de Cima, onde encontramos taças e ânforas tradicionais em terracota, de estilo romano, utilizadas para a maturação dos vinhos.